quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Vem falar comigo quando quiseres.
Meu coração está aberto para receber-te
estejas como estiveres.
Não cala tua palavra: eu posso ouvir te.
Não guarda tuas mágoas só para ti:
eu posso ajudar-te a superá-las.
Não chora na solidão:
eu quero enxugar-te as lágrimas.
Não sufoca os teus sonhos:
eu me disponho a ajudar-te a realizá los.
Não pensa que tu estás só:
sempre estou aí presente em pensamento...

Autora: Silvia Schmidt


4 comentários:

SERJAO_O_MARMANJJUS disse...

olá, grande poetizada,
bem profundo. muito bom mesmo.
é incrível como visitar os outros blogs e ler as postagens faz bem pro interior da gente, quando tem uma piada, a gente rí, quando tem uma notícia a gente fica bem informado, mas quando tem uma maravilha assim como a sua, é só comentando mesmo pra que na próxima visita, a gente possa ver uma maravilha ainda maior.
parabéns.

Mikaele Tavares disse...

Sempre é bom voltar aqui..
Esse poema me faz lembrar um alguém que não queria pensar =/
Mas, são coisas da vida...
Beijos

Flá Costa * disse...

ô delícia vir aqui.
vou anotar mais esse pra mandar pro meu amor. E guardo os créditos. Prometo!

Larissa disse...

Adorei seu blogger.