sábado, 23 de janeiro de 2010


Não temos garantias,
nunca sabemos se as escolhas
são corretas, nem sempre
nossos atos fazem sentido.

Diante da grandeza da vida
somos vulneráveis,
não temos o poder para fazê-la
como queremos, porque não
estamos sós, conviver com outras
pessoas é preciso, e não existe
quem seja capaz de nos agradar
o tempo todo.

Sandra Ribeiro

19 comentários:

Lydia disse...

This is so beautiful. :)

bookmanie disse...

Se uma planta poderia pedir garantias, seria inundada com garantias: a natureza que o rodeia. "Bookmanie

Bєzєяяɑ Guimɑŗãeร disse...

Não temos.
Mas não ter garantias torna a vida mais emocionante.

Já pensou se pudessemos controlar? que horror é fazer os outros de bonecos.


Beijos,
Ry.



________

LUCIMAR SIMON disse...

Verdades sejam ditas e quantas foram exemplificadas aqui em tao poucas palavras, adorei este pequena demostraçao de compreençao do nada que somos perante as coisas deste mundo de Deus.

Beijos

Carlos Augusto Matos disse...

Muito bonito... Perfeito...

Manu disse...

Olá Sandra!

Na vida nada é garantido
tudo tem de se conquistar
não dês nada por perdido
nunca desistas de procurar

Bom Domingo. Beijos.

Amanteli disse...

Oi Sandra,onde viste meu blog?
Gostei do que escreves...

Nana disse...

Lindo post... O meu maior problema é querer agradar o tempo todo e quando isso não acontece é terrivel... nao consigo parar com essa mania!!!
bjoo

te seguindo!!!

Karoláine B. Sizenando disse...

Pingos de verdade se tornam textos lindos. :)

Mikaele Tavares disse...

Às vezes,é bom arriscar porque no risco a gente descobre mais sobre as coisas,sobre as pessoas,sobre nós mesmo. Apesar de que algumas vezes a experiência não é tão legal assim, mas temos que aprender algo.
Beijos

Silenciosamente ouvindo... disse...

Concoordo plenamente com este seu
texto e com experiência q.b.
Beijinhos

Pérola disse...

Ñ temos a garantia de nada,então seguimos pela estrada da sabedoria.
Um lindo dia.
Voltarei.
Parabéns pelo bom gosto.
beijos.

Anne Lieri disse...

Sandra,é verdade!Temos que aprender a conviver com o inusitado da vida!Bela sua poesia!Bjs,

Cadinho RoCo disse...

Somos o tempo todo o todo de um tempo que é sempre outro.
Cadinho RoCo

Pérola disse...

Ñ temos a garantia de nada.
Tudo é muito duvidoso porém, quando algo se concretiza o melhor é extrair tudo de muito bom e de precioso.
Amei a sua postagem.
Um beijo grande.

Ju Fuzetto disse...

Sandrinha!!!
Eu tô adorando ler seus textos, seus blogs são maravilhosos!!

me identifico com cada palavra,cada verso!!

A vida é apenas um passeio, não temos como controlar o caminho...
Às vezes caimos, levantamos e estamos prontos para começar de novo...


Um beijo

Ademir Furtado disse...

Fico feliz quando encontro uma mulher que foge do padrão "amor romântico" felicidade eterna e outras tantas invenções modernas. A vida que merece ser vivida é esse prazer intenso do efêmero, sem garantias de perenidade, mas com muito erotismo e paixão.
Vou voltar seguido a este blog
Ademir

... disse...

gostei bastante deste

Paty disse...

muito lindoO
ás vzs acabamos encontrando nos blog's o que precisamos ler..

achei muito lindoo